sexta-feira, 8 de julho de 2011

Ser novo

Vou em busca de uma nova forma de ser, que sempre esteve presente neste Ser. O novo sai do velho na dialética da natureza universal. É assim: "nada se perder, tudo se transforma".

Um novo Ser surge, onde sempre existia.

Daqui prá frente vou falar sobre essas coisas de Ser.

Vamos...
Postar um comentário